segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Você ama sua família?

Carta de um filho ao seu pai:

"Pai, semana passada você nos deixou.

Ainda não me acostumei com não ter sua presença em nossas vidas e não sei se um dia me acostumarei. A mãe mal está falando e quase não come. Realmente ninguém esperava sua partida mas a vida é assim mesmo e tenho certeza que passamos muitos momentos de alegria juntos.

Muitos amigos e familiares vieram para se despedir de você, todos muito emocionados, você era muito querido. Seu chefe também veio, ele o homenageou com uma coroa de flores muito bonita, e não se cansava de dizer a todos como você era um bom colega de trabalho.

Agora tudo passou, restou eu e a mãe em nossa velha casa.

Ontem ela veio conversar comigo e me explicou algumas coisas. Disse, com os olhos marejados, que eu precisaria mudar de escola porque onde eu estudo ela não conseguiria mais pagar. Disse que eu precisaria ficar a noite em casa sozinho porque ela conseguiu outro emprego e precisaríamos dele para pagar as despesas da casa. 

Vou precisar ajudar a mãe a limpar a casa, pois não temos mais condição de pagar a moça que nos ajudava uma vez por semana, mas já me organizei para conseguir tempo de fazer as tarefas da escola e da casa, também vou ter que escolher menos guloseimas no mercado, essas coisas são muito caras para a nossa renda, mas não será nenhum sacrifício.

Ontem recebemos uma boa notícia, seu chefe ligou e disse que você tinha um seguro de vida lá pela empresa. Devemos receber o valor em breve e vamos usá-lo todo para pagar o advogado que fez seu inventário, essas coisas são bem caras, depois disso, não deve sobrar muito.

Eu sempre quis fazer engenharia, mas pelo que andei pesquisando das mensalidades, não vai dar. Acho que vou adiar um pouco esse plano, para quando as coisas melhorarem.

Você faz falta pai, te amo."

Carta de um outro filho para seu pai:

"Pai, semana passada você nos deixou.

Ainda não me acostumei com não ter sua presença em nossas vidas e não sei se um dia me acostumarei. A mãe mal está falando e quase não come. Realmente ninguém esperava sua partida mas a vida é assim mesmo e tenho certeza que passamos muitos momentos de alegria juntos.

Muitos amigos e familiares vieram para se despedir de você, todos muito emocionados, você era muito querido. Seu chefe também veio, ele o homenageou com uma coroa de flores muito bonita, e não se cansava de dizer a todos como você era um bom colega de trabalho.

Agora tudo passou, restou eu e a mãe em nossa velha casa.

Ontem recebemos uma boa notícia, aquele seu amigo corretor de seguros nos visitou e disse que, há muito tempo, você tinha um seguro de vida. Quando ouvimos o valor que receberíamos ficamos até assustados! Era muito dinheiro. Mas ele nos explicou a conta que você fez.

Uma parte era para pagar todo o meu estudo, desde a escola até a pós-graduação. Outra parte era para ajudar nas despesas domésticas durante alguns anos. Tinha também uma parte para pagar o advogado do inventário, como essas coisas são caras! E por fim, você também colocou na conta, um valor para que todos os anos voltássemos àquela colônia de ferias que sempre vamos e lembrássemos de como fomos felizes juntos!

Depois de toda a explicação, eu e a mãe não nos contivemos e desatamos a chorar, seu amigo também acabou se emocionando.

Você faz falta pai, te amo!"

Se você ama sua família, faça um seguro de vida.

Nenhum comentário :

Postar um comentário